Entrevista O Melhor Aluno: António Antunes - ESCA – Escola de Cabeleireiros

20 Out 2017
Adicionar a favoritos

Antonio ESCA

Ser cabeleireiro é mais do que uma profissão - é uma vocação! É importante ter o talento, mas é essencial ter a formação, pois só com ela se consegue transformar uma paixão numa profissão de sucesso. E é, muitas vezes, durante a formação que se destacam aqueles cujo talento lhes dá meio caminho andado para se tornarem profissionais bem sucedidos. Eles vão ser os futuros profissionais de cabeleireiro e, por isso, consideramos importante registar os seus pontos de vista sobre as escolas que frequentam e o mundo do cabeleireiro profissional. Venha conhecer os melhores alunos de seis escolas de cabeleireiro do país, em várias entrevistas. Aqui, entrevistamos António Antunes, 52 anos, de Queluz.

Porquê escolher a profissão de cabeleireiro?
Não lhe chamaria uma escolha, mas sim "um chamamento". Desde que me lembro de ser gente que sempre respondi: " quando for grande quero ser cabeleireiro". Acompanhava a minha mãe ao cabeleireiro e tudo me fascinava. Senti sempre que aquele era o meu mundo. Lamentavelmente, os meus pais nunca alimentaram este meu sonho. Eu tinha de estudar e de ter um emprego  de gravata e secretária. Por falta de coragem, fiz-lhes a vontade e recalquei o sonho por muitos e largos anos.
Com a internet e, mais tarde, com o YouTube satisfiz muita curiosidade através dos vídeos que fui vendo e fui aprendendo. Fiz umas "joint ventures" com amigas, que aprenderam a confiar no meu trabalho e se ofereciam como cobaias. Nunca nada correu mal - talvez porque a ignorância nunca me tirou a coragem de arriscar.
No início deste ano, como a nível de saúde as coisas não estavam a correr bem, numa consulta médica surgiu a questão: "Qual a atividade que o António gostava mesmo de se dedicar? Uma coisa que gostasse mesmo de fazer?". A resposta adivinha-se e cá estou!

Qual a sua opinião sobre este curso especificamente sobre a escola em geral?
O curso é muito mais complexo do que eu poderia supor. Há o preconceito de que os profissionais desta área não precisam de ser muito espertos, nem de ter muita instrução, o que está completamente errado. Há todo um conteúdo teórico que não é nada simples como pode parecer e surpreendeu-me pela positiva.
A escola tem satisfeito toda a minha vontade de aprender e de, logo em seguida, poder por em prática os conhecimentos adquiridos. Faz-me sentir um privilegiado. Tenho a sorte também de ter o acompanhamento de uma profissional de excelência, que está tão empenhada em me ensinar, como eu em aprender. Junta-se o útil ao agradável e todos os dias saio da escola mais rico em conhecimentos.

Quais as suas expectativas para o futuro na profissão?
Como já referi, estou a viver um sonho e neste momento da minha vida quero muito vivê-lo intensamente, com tudo o que tenho direito. Há sonhos que nos fazem acordar a sorrir... e eu sonho muito com tesouras e cabelos!

Qual a sua opinião sobre o setor de cabeleireiro em Portugal?
Basta dar uma volta por qualquer localidade do nosso país para perceber que a concorrência é bastante. Há sítios onde consigo ver dois ou três cabeleireiros na mesma rua, o que poderá ser um obstáculo à prosperidade.
Por outro lado, estou a aperceber-me que não há bons profissionais de cabeleireiro desempregados - pelo contrário, há mais procura do que oferta.
Estou também a aprender que as marcas se preocupam cada vez mais em inovar e lançar produtos que vão ao encontro das necessidades dos clientes, o que vai renovando a necessidade de ir ao salão. Apostando na qualidade e na fidelização dos clientes, creio que há um lugar ao sol para todos os profissionais.

A ESCA - Escola de Cabeleireiros foi fundada em 1986 e tem como objetivo a prestação de serviços na área da formação profissional na atividade de cabeleireiro e vetores a ela associados. A sua equipa de profissionais, de elevada e reconhecida competência técnica nas suas áreas de especialização, acredita na formação profissional como uma opção de desenvolvimento pessoal. Com escolas em Queluz e em Setúbal, a ESCA – Escola de Cabeleireiros dispõe das metodologias pedagógicas mais avançadas. No final da formação, o formando obterá o certificado de Qualificação Profissional e Passaporte Qualifica, nível 2, em cumprimento do plano curricular estabelecido pela ANQEP e Catálogo Nacional de Qualificações.

Jornal CabelosOnline 132

Redes Sociais

1_active
2_active
3_active
4_active
5_active

Facebox fanbox

Próximos Eventos

12/04/18
Turquia
Istambul
05/05/18
Malásia
Kuala Lumpur
11/05/18
Estónia
Tallin
17/04/18
Holanda
Amesterdão
Ver todos

Últimos Empregos


Chegou a oportunidade de integrar uma nova equipa; estamos a recrutar! Abertura do nosso novo espaç...
Categoria
Distrito
Lisboa
Procura-se Cabeleireiro/ e Manicure/Pedicure. Experientes e com boa carteira de clientes. Para salã...
Categoria
Distrito
Lisboa
Cidália Cabeleireiros está a recrutar 3 cabeleireiras unissexo, com experiência para o Fórum Sintra...
Categoria
Cabeleireiro
Distrito
Lisboa
Salão unissexo, central, em Cascais, com estacionamento, moderno, espaçoso, com excelente ambiente ...
Categoria
Cabeleireiro
Distrito
Lisboa
Assistente
Categoria
Assistente
Distrito
Porto

Estilos Populares

José Garcia Peluqueros – Seducción 01
José Garcia Peluqueros – Seducción 02
José Garcia Peluqueros – Seducción 03
José Garcia Peluqueros – Seducción 04
José Garcia Peluqueros – Seducción 05
José Garcia Peluqueros – Seducción 06
SLASH – Dune 01
SLASH – Dune 02
SLASH – Dune 03

Sobre o Cabelos Online

A pensar na divulgação e desenvolvimento do setor de cabeleireiro, criámos o 1º site exclusivamente dedicado à Moda Cabelos.

Trata-se de um conceito inovador que proporciona ao profissional de cabeleireiro e ao público em geral, uma constante atualização dos acontecimentos deste setor.

Assim, apresentamos-lhe uma vasta gama de opções que pretendem responder às expectativas de todos.

facebook_32 rss_32